Dial P for Popcorn: O Cinema Numa Cena

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

O Cinema Numa Cena

Bem-vindos a mais uma rubrica semanal aqui no Dial P for Popcorn - "O Cinema Numa Cena" tenta mostrar as nuances de uma interpretação fora-de-série numa cena pivotal do seu filme. Esta semana escolhemos uma cena que é um exemplo de força, profundidade e dramatismo. E nela, Holly Hunter e Anna Paquin, em particular, mostram-nos porque ganharam os seus respectivos Óscares, por "The Piano" (1993).




No que é para mim, senão o melhor, então um dos cinco melhores filmes dos anos 90, Holly Hunter é simplesmente de cortar a respiração e Anna Paquin é formidável e, por vezes, bastante arrepiante (uma interpretação fora-de-série para uma criança, na verdade) como a sua filha, que a atraiçoa - como podemos ver nesta cena - como castigo pela sua falta de atenção e negligência, à custa do seu affair com o vizinho que lhe comprou o piano - e entrega a tecla do piano (a forma de pagamento do vizinho pelos seus encontros amorosos) a Baines, o marido de Ada, a personagem de Holly Hunter, que como punição lhe corta um dos dedos. Cena impressionante com performances extraordinárias de todos os intervenientes.

Falarei do filme propriamente dito na rubrica "Recomenda-se" dentro de dias.

3 comentários:

Roberto F. A. Simões disse...

Por razões que desconheço, não se fala o suficiente desta obra magistral. Estou de acordo contigo, um dos melhores dos anos 90.

Cumps.
Roberto Simões
» CINEROAD - A Estrada do Cinema «

Jorge Rodrigues disse...

É, não é? :) Também não compreendo. Como não percebo o mau trato dado ao novo filme dela, "Bright Star". Inacreditável.

Obrigado pelo comentário ;)

Joana Vaz disse...

Adoro tudo neste filme.:D Desde as interpretações ao argumento e realização, passando pela magnífica banda sonora!!!

Sem dúvida dos melhores dessa década. Dos meus favoritos de sempre!:)

Quanto ao "Bright Star” é um filme bonito, mas não tem este nível… Com um belo guarda-roupa e belíssimas cores, fica a faltar esta admirável profundidade de "The Piano"!